JOGOS E BRINCADEIRAS COM OS AVÓS

Jogar e brincar é próprio de qualquer família, promove o encontro, fortalece laços, traz recordações, aproxima gerações,  e é para todas as idades!

Tanto que os Avós têm para transmitir aos netos.  Avós têm na sua memória para transmitir aos seus netos? Vejam abaixo algumas ideias já partilhadas, e partilhem as vossas ideias de como abrir este tesouro.

 

Caça ao tesouro para o Picnic

Caça ao tesouro

Um jogo para o picnic.  Netos até aos 12 anos (as provas e perguntas têm qu eser ajustadas às idades)

Objetivo: conseguir o máximo da pontuação que dará direito à equipa a tentar decifrar um enigma que revela o tesouro.

Equipas: 1 ou 2 netos por equipa

Sábio: Avô ou Avó ou ambos (são-no para todas as equipas)

Tesouro:
O tesouro é solidário - todas as equipas "gozam dele", pode ser por ex: uma moldura para porem a fotografia que vão tirar neste encontro; um bilhete para irem ao Oceanário com o Avô /avó- com todos o s netos; um jogo que dê para jogar com os avós, por exemplo um baralho de cartas, um disco de lançar, o jogo do galo, etc

Regras:
5 postos, em cada posto há uma prova de conhecimento e outra de destreza. A prova de conhecimento é responder a uma pergunta que só o avô ou avó sabem (qq coisa da vida dos avós ou dos pais, da história, de algum saber antigo, etc. O neto terá que ir até ao avô/avó e pedir a resposta.
A prova de destreza é para o neto ou netos  fazerem sozinhos mas o Avô ou avó pode dar dicas de como fazer. 

Cada equipa tem que passar pelas provas em cada posto. Essas provas são pontuadas. Quem tiver a pontuação maior recebe um enigam que lhe diz o que é o tesouro. Terá que o decifrar para merecer o tesouro.
O tempo que levam desde o primeiro posto até ao último não tem importância. O que importa é que terminem e o que conta é a soma da pontuação conseguida em cada posto.
Quem tiver maior pontuação tem direito a decifrar um enigma (com a ajuda do avô/avó ou avós) e ganha o tesouro.

1. Posto (Partida)
Prova de conhecimento: responder a uma pergunta que só o avô ou avó sabem (qq coisa da vida dos avós ou dos pais, da história, de algum saber antigo, etc. O neto terá que ir até ao avô/avó e pedir a resposta. Por ex: quantos anos tinham a avó e avô quando nasceu o meu pai/mãe?
Prova de destreza: jogo balde (ou caixa ou cesto) e da bola: cada participante tem que acertar com 3 bolas dentro do balde num tempo de 1 minuto (ajustar a distância e o tempo às idades)
Com a prova de conhecimento e de destreza realizada receber as indicações para ir até ao próximo posto.

2. Posto
Prova de conhecimento -  pergunta a fazer ao avó ou avô ou a ambos,  por ex: qual é (ou era) o jogo favorito do avô?
Prova de destreza: jogo balde e da bola: cada participante tem que acertar com 3 bolas dentro do balde num tempo de 1 minuto (ajustar a distância e o tempo às idades) Pontuação: quantidade de terra nas garrafas e tempo
Com a prova de conhecimento e de destreza realizada receber as indicações para ir até ao próximo posto.

3. Posto
Prova de conhecimento - pergunta a fazer ao avó ou avô ou a ambos, por ex: como se chamavam os pais da avó?
Prova de destreza: desenhar no chão de terra ou areia 3 circulos concêntricos. O neto tem que jogar uma pedra para tentar acertar num dos circulos. Cada circulo vale pontos (o mais perto do centro 10, o do meio 5 e mais longe 2.

4. Posto
Prova de conhecimento
- pergunta a fazer ao avó ou avô ou a ambos,  por ex: o que a avó/avô pensou quando soube/ram que se tinha inventado o telefone sem fios - telemóvel.
Prova de destreza: construir um telefone com fios - 2 latas e um cordel, ou levar uma batata na colher de pau até ao próximo posto.

5. Posto
Prova de conhecimento: pergunta a fazer ao avó ou avô ou a ambos, por ex: o que o avô/avõ gosta mais deste tempo atual?
Prova de destreza: dependendo de onde estão a fazer o picnic, cada equipa tem que fazer a palavra "avós" com pedrinhas, conchas, folhas, pauzinhos, etc em 15 segundos (ajustar tempo às idades e ao número d enetos em cada equipa.

Encontra o encontro

 Encontra o encontro

Um jogo que pode ser para exterior ou interior.

Arranjar tantas fotografias em que esteja o avô, avó, avós (se for possivel com os netos é mais giro) quanto o número de netos ou equipas.

Imprimir cada fotografia em A4 - em duas cópias a preto e branco.
Cortar 1 das cópais de cada fotografia em vários bocados - pelo menos 12 - tipo puzzle.
Deixar a outra cópia inteira.

Pôr 3 bocados, de cada fotografia cortada,  em um envelope,  e marcar o envelope por fora com uma bola de cor (cada fotografia tem uma cor).

Fazer isso com todas as fotografias. 

O ideal é preparar isto com algum tempo,  e levarem os envelopes para o picnic ou para a casa onde vão se encontrar.

Quando chegarem ao lugar do picnic, ou passeio ou casa, o pai ou mâe esconde os envelopes em vários lugares - cada fotografia deve ter 4 envelopes e devem ser escondidos em sítios diferentes.

O pai ou mãe dá o sinal de partida e os filhos começam a procurar os bocados. Os avós, que sabem onde estão os envelopes podem ir dando pistas aos netos.

Os avós têm uma cópia da fotografia impressa em A4, e, à medida que os netos encontram as peças, vão até aos avós e colocam as peças em cima.

Quando todos acabaram o seu puzzle, o Avô/Avó ou avós fazem a descrição do encontro que cada fotografia mostra, sem a indicar aos netos,  e cada um tem que advinhar de que equipa é essa fotografia.

Costuma ser um jogo muito divertido e ajuda a recordar e a transmitir vivências.

OBS: Se quiserem tornar o jogo mais difícl pode colocar-se peças no envelopes que não sejam da fotografia mas muito parecidas o que torna mais desafiante o puzzle.
Se houver netos com grande diferença de idade, terão que ver se os mais velhos ficam a fazer par com os avós ou se querem entrar na brincadeira a procurar as peças com os mais novos.

Caça ao tesouro

Um jogo para o picnic.  Netos até aos 12 anos (as provas e perguntas têm qu eser ajustadas às idades)

Objetivo: conseguir o máximo da pontuação que dará direito à equipa a tentar decifrar um enigma que revela o tesouro.

Equipas: 1 ou 2 netos por equipa

Sábio: Avô ou Avó ou ambos (são-no para todas as equipas)

Tesouro:
O tesouro é solidário - todas as equipas "gozam dele", pode ser por ex: uma moldura para porem a fotografia que vão tirar neste encontro; um bilhete para irem ao Oceanário com o Avô /avó- com todos o s netos; um jogo que dê para jogar com os avós, por exemplo um baralho de cartas, um disco de lançar, o jogo do galo, etc

Regras:
5 postos, em cada posto há uma prova de conhecimento e outra de destreza. A prova de conhecimento é responder a uma pergunta que só o avô ou avó sabem (qq coisa da vida dos avós ou dos pais, da história, de algum saber antigo, etc. O neto terá que ir até ao avô/avó e pedir a resposta.
A prova de destreza é para o neto ou netos  fazerem sozinhos mas o Avô ou avó pode dar dicas de como fazer. 

Cada equipa tem que passar pelas provas em cada posto. Essas provas são pontuadas. Quem tiver a pontuação maior recebe um enigam que lhe diz o que é o tesouro. Terá que o decifrar para merecer o tesouro.
O tempo que levam desde o primeiro posto até ao último não tem importância. O que importa é que terminem e o que conta é a soma da pontuação conseguida em cada posto.
Quem tiver maior pontuação tem direito a decifrar um enigma (com a ajuda do avô/avó ou avós) e ganha o tesouro.

1. Posto (Partida)
Prova de conhecimento: responder a uma pergunta que só o avô ou avó sabem (qq coisa da vida dos avós ou dos pais, da história, de algum saber antigo, etc. O neto terá que ir até ao avô/avó e pedir a resposta. Por ex: quantos anos tinham a avó e avô quando nasceu o meu pai/mãe?
Prova de destreza: jogo balde (ou caixa ou cesto) e da bola: cada participante tem que acertar com 3 bolas dentro do balde num tempo de 1 minuto (ajustar a distância e o tempo às idades)
Com a prova de conhecimento e de destreza realizada receber as indicações para ir até ao próximo posto.

2. Posto
Prova de conhecimento -  pergunta a fazer ao avó ou avô ou a ambos,  por ex: qual é (ou era) o jogo favorito do avô?
Prova de destreza: jogo balde e da bola: cada participante tem que acertar com 3 bolas dentro do balde num tempo de 1 minuto (ajustar a distância e o tempo às idades) Pontuação: quantidade de terra nas garrafas e tempo
Com a prova de conhecimento e de destreza realizada receber as indicações para ir até ao próximo posto.

3. Posto
Prova de conhecimento - pergunta a fazer ao avó ou avô ou a ambos, por ex: como se chamavam os pais da avó?
Prova de destreza: desenhar no chão de terra ou areia 3 circulos concêntricos. O neto tem que jogar uma pedra para tentar acertar num dos circulos. Cada circulo vale pontos (o mais perto do centro 10, o do meio 5 e mais longe 2.

4. Posto
Prova de conhecimento
- pergunta a fazer ao avó ou avô ou a ambos,  por ex: o que a avó/avô pensou quando soube/ram que se tinha inventado o telefone sem fios - telemóvel.
Prova de destreza: construir um telefone com fios - 2 latas e um cordel, ou levar uma batata na colher de pau até ao próximo posto.

5. Posto
Prova de conhecimento: pergunta a fazer ao avó ou avô ou a ambos, por ex: o que o avô/avõ gosta mais deste tempo atual?
Prova de destreza: dependendo de onde estão a fazer o picnic, cada equipa tem que fazer a palavra "avós" com pedrinhas, conchas, folhas, pauzinhos, etc em 15 segundos (ajustar tempo às idades e ao número d enetos em cada equipa.

 Encontra o encontro

Um jogo que pode ser para exterior ou interior.

Arranjar tantas fotografias em que esteja o avô, avó, avós (se for possivel com os netos é mais giro) quanto o número de netos ou equipas.

Imprimir cada fotografia em A4 - em duas cópias a preto e branco.
Cortar 1 das cópais de cada fotografia em vários bocados - pelo menos 12 - tipo puzzle.
Deixar a outra cópia inteira.

Pôr 3 bocados, de cada fotografia cortada,  em um envelope,  e marcar o envelope por fora com uma bola de cor (cada fotografia tem uma cor).

Fazer isso com todas as fotografias. 

O ideal é preparar isto com algum tempo,  e levarem os envelopes para o picnic ou para a casa onde vão se encontrar.

Quando chegarem ao lugar do picnic, ou passeio ou casa, o pai ou mâe esconde os envelopes em vários lugares - cada fotografia deve ter 4 envelopes e devem ser escondidos em sítios diferentes.

O pai ou mãe dá o sinal de partida e os filhos começam a procurar os bocados. Os avós, que sabem onde estão os envelopes podem ir dando pistas aos netos.

Os avós têm uma cópia da fotografia impressa em A4, e, à medida que os netos encontram as peças, vão até aos avós e colocam as peças em cima.

Quando todos acabaram o seu puzzle, o Avô/Avó ou avós fazem a descrição do encontro que cada fotografia mostra, sem a indicar aos netos,  e cada um tem que advinhar de que equipa é essa fotografia.

Costuma ser um jogo muito divertido e ajuda a recordar e a transmitir vivências.

OBS: Se quiserem tornar o jogo mais difícl pode colocar-se peças no envelopes que não sejam da fotografia mas muito parecidas o que torna mais desafiante o puzzle.
Se houver netos com grande diferença de idade, terão que ver se os mais velhos ficam a fazer par com os avós ou se querem entrar na brincadeira a procurar as peças com os mais novos.